fbpx
Search here...
TOP
Europa

Verão europeu: Inferno ou paraíso? 10 dicas p/ aproveitar a sua viagem

www tudo sobre viagens grecia santoirni oia Easy Resize.com  800x470 - Verão europeu: Inferno ou paraíso? 10 dicas p/ aproveitar a sua viagem - europa
Tempo de leitura: 9 minutos

10 dicas fundamentais que vão salvar a sua viagem durante o verão europeu!

 

O verão europeu é com toda a certeza, a época do ano em que o velho continente mais recebe turistas, seja pelas suas belas praias ou por conta do período de férias. A verdade é que fazer uma viagem a Europa durante o verão pode ser uma verdadeira maravilha ou um verdadeiro desastre. A diferença entre o paraíso e o inferno, rs!

Afinal, a temperatura em algumas grandes cidades pode até, ultrapassar os 40 graus. Pontos turísticos famosos como o museu do Louvre em Paris ou o Vaticano em Roma, certamente estarão com uma multidão de turistas que farão você ficar horas e horas nas filas. Ilhas como Mikonos e Santorini estarão tão  saturadas de gente, que você não vai conseguir nem andar direito. Em lugares como a cótê d’azur, na riviera francesa, o trânsito estará caótico.

Mas, apesar de tudo isso, ainda assim dá para aproveitar muito uma viagem durante o verão europeu.  Veja como fazer isso, seguindo as nossas principais dicas. Seguir elas pode ser a diferença entre o paraíso ou o inferno,rs.

Verão Europeu: Dicas essenciais

Apesar de eu, particularmente  achar que de maneira geral, o verão não é o melhor período para fazer uma viagem a Europa, também acho que para alguns destinos específicos pode ser muito bom viajar nessa época. Mas para isso vamos ver aqui dicas essenciais para você sobreviver ao verão europeu e aproveitar ao máximo a estação mais procurada do ano.

1- Evite Agosto/ Aposte em Setembro

O verão europeu começa no dia 21 de Junho e termina no dia 21 de Setembro. Nesses meses, com toda a certeza o mês de Agosto junto com de Julho são os meses mais quentes. Mas, em compensação tem mais festas  pelas praias e ilhas europeias. Nesses meses, Ibiza e Mikonos, por exemplo estão cheias de jovens  atrás das famosas baladas.

Mas, apesar do verão estar no seu auge, e a temperatura ser perfeita para entrar no mar, você também vai encontrar cidades lotadas e preços nas alturas. Afinal, em Agosto é período de férias no hemisfério norte e muita gente escolhe a Europa para passar as férias. Certamente, que Agosto é a treva, rs!!!

Além disso, tem lugares, por exemplo, como as ilhas na Grécia que parecem não ter muita estrutura para receber tantos turistas assim. Em Santorini, vira e mexe tem falta d’ água durante a alta temporada. Além disso, as ruas nas ilhas são bem pequenas e apertadas, sendo algo bem estressante transitar por elas nesse período.

Por isso, na minha opinião e segundo muitos blogs que li e gente que conheci o melhor mês para visitar a Europa durante o verão europeu, é Setembro. Neste mês as temperaturas ainda estão altas e a água do mar continua mais quente,ou seja, você ainda vai pegar praia.

Mas, a grande diferença entre Agosto e Setembro é que, em Setembro as cidades, as ilhas e as praias estarão muito mais vazias. Afinal as férias já acabaram, e muitos estabelecimentos que costumam fechar em Agosto, voltam a funcionar. Com o fim da alta temporada, os preços de hospedagem, passagem, passeios e até mesmo os preços em restaurantes despencam.

Verão europeu

Ainda em Maio, Santorini já estava cheia e estava complicado tirar foto, rs!

 

2-Evite as grandes cidades

Se você estiver planejando uma viagem a Europa durante o verão os melhores destinos para apostar, são de fato os destinos que tem praia. Parece até bobo falar isso, mas na verdade faz sim muito sentido. Afinal, algumas grandes cidades europeias ficam quase que insuportáveis nessa época do ano. Seja pela multidão ou seja pelo calor.

Cidades como Madri, Sevilha, Lisboa, Roma e até mesmo Paris sempre ficam muito lotadas de turistas e os preços disparam. O calor atrapalha muito as atividades, seja ao ar livre ou em museus. Muitos restaurantes estrelados,  lojas  e até teatros fecham no mês de Agosto por conta das férias. Por isso, se puder deixar para visitar essas cidades na primavera ou no outono será bem melhor.

Outra alternativa também é viajar para os países mais ao norte da Europa. Afinal, esses países são mais frios e até mesmo no verão as temperaturas são agradáveis. Além disso, por não serem destinos tão famosos e de veraneio, estas cidades costumam estar mais vazias que as cidades mais ao sul do continente. Por isso, considere visitar a Suiça, Noruega, Finlândia, Escócia, Holanda e etc.

Outros países que, também podem ser mais agradáveis de visitar no verão são os países do leste europeu. Pois além de terem um clima mais ameno eles são bem mais baratos que o resto da Europa. Afinal, eles nem sequer estão na zona do euro e possuem uma economia mais fraca. Considere ir a Praga, Áustria, Eslovênia, Hungria, Rússia e etc.

20190428 132113 0000 Easy Resize.com  - Verão europeu: Inferno ou paraíso? 10 dicas p/ aproveitar a sua viagem - europa

Cidades famosas como Paris, costumam lotar no verão!

3- Evite os destinos de praia mais famosos

Destinos como Mikonos, Santorini, Sardenha,  ilhas baleares, por exemplo, estão entre os destinos mais famosos e procurados durante o verão europeu. Isso significa que os preços triplicam e as cidades e ilhas ficam lotadas. Em lugares como Santorini e Mikonos, por exemplo, você não consegue nem andar direito já que as ruas são bem estreitas.

Mas, acredito que se dinheiro não for problema para você e caso você goste ou não se incomode com multidões, talvez o verão seja excelente época para você ir nesses destinos. Afinal, é justamente em Julho e Agosto que bares restaurantes e lojas voltam a funcionar a todo vapor. As melhores baladas e festas estão bombando, e tem muita gente jovem e bonita pelas praias.

Mas, caso você não goste de muvuca e nem esteja com muita grana para gastar talvez seja melhor você optar por destinos de praia menos badalados e mais baratos.  A Croácia por exemplo, apesar de ser um destino bem badalado é bem mais barata do que Mikonos ou Ibiza, que costumam ser caríssimas. A riviera albanesa, é outra opção no leste europeu, que é bem barata e bem mais vazia.

Se você quiser conhecer alguma ilha na Grécia, aposte em ilhas como Milos, Koufonisia , Lekfada e Cefalônia que tem praias maravilhosas mas são muito mais baratas e vazias que Santorini, Mikonos ou Creta.

Verão europeu

A pouco explorada riviera albanesa Foto: Viagem e turismo Albânia

 

 

Verão europeu

A ilha de Milos na Grécia é uma ilha bem tranquila e mais barata que as famosas Mikonos e Santorini.

4- Não subestimem o calor europeu: Use protetor solar e se hidrate muito

Essas dicas, parecem até clichê mas a verdade é que muita gente subestima o verão europeu. A Europa tem sofrido constantemente com ondas de calor durante o período. As temperaturas, facilmente chegam a 40 graus. Não raro lemos notícias de pessoas que chegam a passar muito mal devido ao calor excessivo. Inclusive, esse ano de 2019 promete ser um ano de calor sufocante. A previsão é que em algumas cidades europeias a temperatura ultrapasse os 40 graus.

Leia a reportagem do G1, e saiba mais.

Assim. protetor solar é item fundamental, ainda que você não vá pegar praia. Não deixe de levar roupas e sapatos fresco e confortáveis.

Aproveite e leia também Como se vestir no verão europeu: Sugestões de looks para arrasar na Europa

Verão europeu

Usar roupas frescas é fundamental para suportar o verão europeu

Como eu disse anteriormente, não subestime o verão europeu.Tenha sempre uma garrafinha de água com você. Você pode comprar nos supermercados, pois costumam ser mais baratas. Em algumas cidades, como Roma, por exemplo, e na Itália em geral você pode beber água de graça nas fontes que ficam espalhadas pela cidade.

Enfim, pagando ou não, não esqueça de tomar água hein!

5-Verifique se o seu hotel tem ar condicionado

Viajadoras e viajadores do meu Brasil, essa dica é fundamental!!! Preste muita a atenção na hora de reservar sua hospedagem. Ter um ar condicionado é um item primordial. Eu digo isso porque em algumas grandes cidades europeias, como Paris por exemplo, não são todos os apartamentos e hotéis que tem ar condicionado. E muitos que tem  não dão conta do calor. As vezes, nem mesmo as lojas e alguns restaurantes tem um ar condicionado potente.

Nos lugares de praia, já é fácil encontrar uma oferta maior de hotéis que tenham ar condicionado e que funcione bem. Afinal, esses lugares costumam ser mais quentes que outras cidades da Europa. Então, se você não quiser ter esse desconforto durante a sua viagem, preste muita a atenção nesse item.

6- Evite alugar um carro

Em vários destinos da Europa dirigir é uma das principais atrações da própria viagem. As estradas da Toscana, do Sul da França e da costa Amalfitana são maravilhosas e maioria dos viajantes sonha em alugar um carro para percorrer esses lugares. Mas, o que costuma ser um sonho pode se tornar um grande pesadelo durante o verão.

Já, em outros lugares alugar carro é uma questão de praticidade mesmo. Mas em ambos os casos, dirigir no verão europeu pode ser muito estressante. Afinal, as estradas estarão lotadas de carros e ficar horas no engarrafamento vai ser algo certo na sua viagem. Além disso, para estacionar vai ser um sufoco ainda maior já que é pouca vaga para muito carro. Até porque a maioria dessas ilhas e cidades são bem pequenas.

Por isso, considere usar o transporte público, seja trem, ônibus ou metrô. Apesar de estar mais caro talvez seja melhor você seguir o velho conselho da Angélica e ir de táxi, ou até mesmo, Uber. E sempre que puder, faça tudo a pé.

Ônibus em Santorini

Ônibus em santorini

7- Reserve tudo com muita antecedência

Reservar hotéis e comprar passagens com antecedência é algo que sempre faço, independente da época do ano que vou viajar. Afinal, essa é uma das dicas mais eficazes na hora de se fazer uma viagem econômica.

Mas, no caso do verão Europeu você tem que reservar hotéis, e comprar a passagem antes, não só para economizar mas também para conseguir ir. Deixando para comprar na última hora você corre o risco de não encontrar passagem. Neste caso, garanta com antecedência tanto a passagem principal quanto as intermediárias, seja de trem, avião ou barco.

Já nos hotéis, se você deixar para fazer reserva na última hora ou você vai encontrar um quarto por um preço abusivo e/ou não vai poder escolher o melhor lugar para você. Vai ter que ficar com o que sobrar.

A mesma dica serve para a compra de ingressos, tours, passeios e até mesmo para contratar alguma agência. Reserve tudo com antecedência e não deixe para comprar nada na hora. Pois, além de você correr o risco de não encontrar mais nada, certamente você vai enfrentar uma fila cruel para comprar seu ingresso. Agora, imagina você parado por uma ou duas horas na fila, e ainda por cima debaixo de um sol de 40 graus? Ninguém merece!! Com certeza, é a treva!!

8-Dobre a atenção aos golpes a turistas

Infelizmente, na Europa, assim como em outros lugares do mundo existem muitos golpes a turistas. Desde furtos até te fazerem assinar uma petição para ajudar as crianças na África. Os golpistas estão por todos os lados.

São tantos golpes que eu já vi que para falar de cada um deles eu teria que fazer um post a parte. Mas, a dica aqui é redobrar a atenção no verão, pois como é alta temporada e tem muita gente nas cidades e nas praias os golpes tendem a crescer.

Mas, se você prestar a atenção e tomar muito cuidado, certamente não será vitima deles. Por isso, tome cuidado com suas coisas, não deixe a carteira ou dinheiro no bolso da calça. Cuidado também com algumas pessoas que ficam te oferecendo flores ou pulseiras “de graça” nas ruas. Eles te abordam dizendo que é grátis mas se você pegar eles te cobram!

9- Economize no que puder

Viajar para Europa no verão europeu, não tem jeito pessoal, você vai acabar gastando mesmo. Afinal é alta temporada, principalmente em Agosto. Então, caso você não esteja com a grana tão folgada assim é bom tentar economizar.

Assim, procure reservar tudo que puder com antecedência, como visto em outro tópico. Outra dica que costuma render boas economias é alugar um apartamento ao invés de um quarto de hotel. Além de serem, em regra, mais baratos eles costumam ter cozinha. Assim, você já economiza bastante pois não vai precisar comer todos os dias em restaurantes. Afinal, basta você comprar a comida no supermercado e levar para esquentar na cozinha do apartamento.

Falando em supermercado, frequenta-los em viagens tem virado rotina até para os viajantes com mais dinheiro. Os supermercados para alguns, como eu, rs já é até um ponto turístico.  Por isso, não deixe de visita-los na sua viagem, e de comprar coisas para comer e beber.Você vai economizar muito, te garanto isso!

Se quiser saber mais dicas de como economizar na Europa leia o nosso post Como economizar na Europa: 10 Dicas testadas e aprovadas para viajar barato

10- Evite os horários mais tumultuados

Apesar de tumulto ser algo com que provavelmente você terá que lidar durante o verão europeu, tem maneiras de evitar. Para isso, evitar os horários críticos é fundamental. Acordar cedo para chegar cedo na praia é a melhor maneira de garantir seu lugar ao sol. Afinal, a multidão só começa a chegar nas praias a partir das 10 horas, os baladeiros de plantão lá para 11 da manhã.

A mesma lógica serve para museus e outras atividades. Sempre procure visita-los em horários menos concorridos. Por exemplo, um excelente horário para visitar o Louvre, ou é logo pela manhã, assim que ele abre ou á noite. Pois nestes horários o museu está bem mais vazio.

Por isso, não deixe de pesquisar quais são os horários em que aquele museu ou monumento que você quer visitar tem um fluxo menor de pessoas.

Verão europeu

Paradise Beach. A praia mais famosa de mikonos

 

Em suma, pessoal, como vimos é perfeitamente possível curtir o verão europeu de uma forma tranquila e sem perrengues. Te garanto que se você seguir direitinho essas dicas, a Europa durante essa época do ano vai ser um verdadeiro paraíso e sua viagem será incrível.

 

Deixe a sua opinião e/ou dúvidas nos comentários e não deixe de compartilhar esse artigo.

 

Um abraço

TudoSobreViagens

Anna Karina Faria Pires

Carioca de 29 anos, bacharel em direito, amante de viagens, aventureira, com o sonho de conhecer o mundo!

«

»

×

Curta a nossa Página!