fbpx
Search here...
TOP
Europa Paris

Passes de Paris: o que são, como funcionam, qual é o melhor e mais

Design sem nome Easy Resize.com 1 600x470 - Passes de Paris: o que são, como funcionam, qual é o melhor e mais - paris, europa
Tempo de leitura: 7 minutos

Passes de Paris

Os passes de Paris inicialmente, foram feitos para facilitar a vida do turista na cidade. Afinal, eles são bem práticos e uma de suas principais vantagens é não ter que enfrentar fila para comprar ingresso para as principais atrações turísticas da cidade. Mas, será que são todos eles que valem a pena? Será que eles tem um bom custo benefício?

Bom, eu pesquisei bastante, fiz vários cálculos, comparei os diversos passes, tanto os de turismo quanto os de transporte e cheguei a algumas conclusões.

Se você vai viajar e está em dúvida de qual usar dentre os vários passes de Paris, então não deixe de ler  este post.

Vai para Paris? Então não deixe de ler o nosso guia completo de Paris, com tudo que você precisa saber sobre a cidade luz.

Passes de Paris: Os passes turísticos

Paris tem 3 principais passes turísticos, que você pode comprar tanto pela internet quanto quando chegar na cidade.  Você pode pegar o seu tanto nos aeroportos quanto em postos de turismo.

1)Paris PassLib ( o passe oficial da cidade)

Este passe é um dos passes mais completos de Paris, pois ele reúne dois outros passes em um só: O museu Pass e Paris Visite Pass.  Além disso, dentre os passes de Paris, ele é oficial da cidade.

O Paris passlib te dá direito a:

  • Entrada gratuita e sem filas em 50 atrações da cidade
  • Acesso ilimitado a ônibus, metrô e RER, mas apenas nas zonas 1 a 3- Não inclui os aeroportos, o palácio de Versalhes e a Disney Paris.
  • Passeio de barco de uma hora pelo Sena
  • Um dia para você usar o hop/on hop off

Quanto custa?

  • 2 dias: 109 euros

  • 3 dias : 129 euros

  • 5 dias : 155 euros

Com toda a certeza, este não é o passe mais barato mas também está longe de ser o mais caro. Assim como os outros, o Paris passlib não inclui a subida a torre Eiffel (25 euros até o 3° andar).

Ele começa a funcionar no dia em que você usa pela primeira vez e vale apenas para os dias escolhidos. Ou seja, se você comprar o passe para 3 dias você só terá direito ao uso ilimitado do transporte e etc, apenas neste 3 dias.

2) Paris Pass ( Passe “pega turista” desavisado)

O que inclui:

  • entrada grátis e “fura fila” para 60 atrações
  • um dia no hop on/hop off
  • passeio de barco
  • transporte público ilimitado entre as zonas 1 a 3
  • desconto em lojas e restaurantes

Quanto custa?

  • 2 dias: 139€
  • 3 dias:  174€, 
  • 4 dias:209€
  • 6 dias:  259€

Este passe é aquele clássico pega turista, pois é muito caro e você certamente não vai ter tempo de visitar todas as 60 atrações incluídas. Na verdade, nem a metade disso você vai visitar, mesmo que você fique uma semana na cidade.

new benefits 02 - Passes de Paris: o que são, como funcionam, qual é o melhor e mais - paris, europa

Passes de Paris:Paris Pass

3)Museum pass ( O melhor passe para o seu bolso)

Dos 3 passes é o que mais vale a pena, pois ele é o mais barato.Além disso, se você for colocar na ponta do lápis os custos dos ingressos avulsos das principais atrações em Paris, você vai ver que este passe de fato, compensa.Você realmente vai economizar na sua viagem além de ter toda a praticidade que esse tipo de passe oferece.

O que inclui:

  • 50 atrações sem transporte público

Quanto custa:

  • 2 dias: 53€ 
  • 4 dias:67€
  • 6 dias:79€

Vale a pena comprar esses passes em Paris?

Na minha mais humilde e sincera opinião o único que vale realmente a pena é o Paris Museum Pass. Os outros dois são passes “pega turista”, pois você vai pagar muito caro e provavelmente não vai usufruir nem da metade do que o passe oferece. E isso por motivos bem simples. Primeiramente, que você não vai conseguir visitar 50 e nem 60 atrações na sua viagem. Se você for ficar entre 2 e 3 dias, com toda a certeza você vai fazer só o básico do básico.

E mesmo que você vá ficar uma semana, tem muitos museus que os passes dão direito que você não vai visitar. Vai por mim, você dificilmente irá  no museu do cinema, no museu da música, no museu da marinha e etc. Principalmente se for a sua primeira visita a cidade.

E se você comprar os ingressos avulsos das principais atrações, ou seja, aquelas que com toda a certeza você vai visitar, você irá gastar menos que os valores do Paris Pass e do Paris Passlib. Neste caso, só o Museum Pass valeria a pena, pois ele é mais barato que a soma de todas essas atrações principais. E, ainda por cima você vai ter a liberdade de até repetir a visita em algum museu ou monumento que você tenha gostado muito. E, até mesmo ir a algum outro museu ou monumento fora do “obvio”. Isso tudo caso dê tempo, claro.

Abaixo, fiz os cálculos das entradas das principais atrações de Paris

  • Entrada no Louvre – 17 euros
  • Arco do triunfo- 12 euros
  • Palácio de Versalhes- 19 euros
  • Museu D’ Orsay – 14 euros
  • Entrada conjugada Conciergerie + Saint Chapelle – 15 euros

TOTAL: 77  EUROS

Ou seja, caso você faça só essas atrações básicas você vai gastar a mesma coisa que o passe de 6 dias do museum pass (79 euros). Se você pegar o de 4 dias (67 euros) ou o de 2 dias (53 euros) você vai ter um mega desconto nas principais atrações.

Vale lembrar que nenhum desses passes permite que você entre grátis na Torre Eiffel, ou seja, é um gasto que você vai ter de qualquer jeito.

Apesar do Paris Museu Pass não incluir o transporte, é muito mais válido você comprar junto com ele um outro passe de transporte ou até mesmo não comprar nada. Porque afinal, o Paris pass e o Paris passLib são restritos a zona 1 e 3. Assim, você vai ter que pagar para ir até Versalhes, Disney e para ir e voltar do aeroporto.

Definitivamente, são passes muito caros e não tem muito custo benefício.

Passes de Paris: Os passes de transporte

Além dos passes turísticos existem muitos passes de transporte em Paris. Vamos conhecer os principais.

1) Ticket T -10

O ticket T- 10 é o mais barato e simples passe de transporte em Paris. Afinal, para adquiri-lo basta você ir a qualquer estação de metrô e comprar o seu. Você pode comprar o ticket que dá direito a 10 viagens por 16,90 euros. Isso é prático e econômico já que o ticket avulso custa 1,90 euros. Ou seja, para fazer 10 viagens você gastaria 19 euros e ainda ia ter que perder tempo tendo que comprar um ticket cada vez que você fosse usar o metrô. Mas, só vale mesmo a pena comprar o t-10 se você for usar muito o metrô, caso contrário é melhor comprar o bilhete avulso mesmo.

Vale lembrar que esse passe só é válido nas zonas 1 a 3, ou seja, nas zonas dentro de Paris. Assim, não inclui o RER para Versalhes, nem para Disney Paris e nem para os aeroportos.

2) Cartão Navigo

A única vantagem do cartão Navigo é que ele te dá direito ao uso do transporte público das zonas 1 a 5, ou seja, inclui Versalhes, Disney Paris e os aeroportos. Mas, o chato é que ele vale só para uma semana cravado, ou seja, ele é válido de domingo a segunda, rigorosamente. Isto significa que você tem que começar a usa-lo já na segunda feira, pois se você começar a usar na terça, por exemplo, você terá perdido um dia. O valor do cartão para uma semana é de 19,85 euros.

Um preço muito bom, mas você vai precisar começar a usar no dia certo. Além disso,você terá que levar uma foto sua, 3×4 para colocar no cartão e pagar uma taxa não reembolsável de 5 euros.

3)Paris Visite

Diferente do cartão Navigo, esse passe começa a funcionar a partir do dia e da hora que você usa pela primeira vez. Ele também abrange as zonas de 1 a 5 mas ele é bem caro. O valor para 5 dias é de 65,80 euros.

Vale a pena usar esses passes de transporte em Paris?

Se você for usar muito o metrô com certeza vale. O Paris Visite Pass eu acho furada mas os outros dois podem compensar. Se você for usar muito o metrô da sua cidade, estiver pretendendo usar o RER  para ir do aeroporto até o centro de Paris, se você vai a Versalhes e vai chegar numa segunda feira certinho, então o Navigo vale a pena.

Veja abaixo o preço de algumas passagens avulsas.

  • Trem do Charles de Gaulle ao centro de Paris-  ida e volta 22,80 euros
  • Trem do Orly ao centro de Paris-  ida e volta 25 euros
  • RER de Paris até Versalhes ida e volta 7,30 euros

 Passes de Paris: Conclusão e comparação

Vamos comparar os 3 passes turísticos para o tempo de um semana.

  • Paris Pass Lib p/ 5 dias : 155 euros
  • Paris Pass p/ 6 dias : 259 euros
  • Museum Pass p/ 6 dias : 79 euros

Bom, a matemática não mente né galera, o Museum Pass é bem mais barato que os outros cartões. Apesar de ele não dá direito a transporte, se você for ficar uma semana em Paris, compensa você comprar o Museum Pass e o Navigo.

Para uma semana, conjugando os dois passes você ia gastar 101,50 euros mais 25 euros para subir na torre Eiffel. Caso você queira fazer o passeio de barco pela Sena (13,50 euros) e ir na torre Montparnasse (18 euros), em uma semana você gastaria 158,00 euros.

No Passe ParisLib você gastaria 155 euros mais 25 euros da subida para a torre, o que dá um total de 180 euros.

Se você não for ficar uma semana certinha (chegar na segunda e ir embora no domingo) então o cartão Navigo não seria uma boa. O ideal seria você comprar o T-10. Assim, você ia economizar mais ainda.

O cartão Navigo também só é vantajoso se você for usar bastante o metrô. Dependendo de onde você for se hospedar você nem vai usar tanto assim. Por exemplo, se você for se hospedar no 1° arrondissement você vai estar perto de praticamente todas as principais atrações de Paris e poderá fazer quase tudo a pé.

Mas, se você for se hospedar em Monmartre, por exemplo, com toda a certeza você vai precisar usar o metrô para tudo. Pois este bairro fica bem afastado do centro de Paris.

Conclusão

É muito mais econômico e vantajoso usar o Paris Museum Pass junto com o cartão Navigo ou com o T-10. O Paris Pass é total furada, e o Paris PassLib até vale e pena se você quiser usar o Hop/on Hop/off, ou se quiser ter a praticidade de ter o Navigo e Museum Pass em um passe só.

Então, pessoal espero ter ajudado vocês a decidirem qual passe em Paris é melhor para sua viagem. Qualquer dúvida ou sugestão é só deixar nos comentários.

 

Um abraço

 

TudoSobreViagens

Anna Karina Faria Pires

Carioca de 29 anos, bacharel em direito, amante de viagens, aventureira, com o sonho de conhecer o mundo!

«

»